top of page
lucas.diesel_background_website_greek_mythology_UX_1a471611-7b73-457c-8db8-53a5a839a4c9.pn

Pontus

Pontus (em grego: Πόντος) é o deus primordial do mar. Dentre tantas divindades marinhas, Pontus é a própria personificação do mar, nascido dos seios da Terra nos primórdios da criação. Enquanto Oceanus governava as águas doces, Pontus reinava soberano sobre as águas salgadas, abrangendo as vastidões dos oceanos.

"O Argo está abrindo caminho no meio dos crescentes Pontus (mar) e Orfeu seduz o mar com seu canto, além disso Pontus escuta e fica calmo sob o feitiço de sua canção."

- Filóstrato, o Velho, Imagines

Zeus Mitologuia.png

Arte ilustrativa, para uma visão fiel a grega antiga consulte as artes em cerâmica, já para a visão romana procure pelas estátuas e artes em mosaico (para ambos recomendo o site Theoi.com).

Entre os gregos Pontus era imaginado como a vastidão interminável do mar, já nos mosaicos greco-romanos, Pontus é retratado como uma cabeça gigante com uma barba cinza-aguada e chifres em forma de garra de caranguejo subindo do mar.

História

Como filho de Gaia, Pontus personifica o mar em sua totalidade, emanando das profundezas da Mãe Terra como uma manifestação sublime das águas oceânicas.


"Ela [Gaia] também deu à luz o abismo infrutífero com suas ondas furiosas, Pontus (Mar), sem doce união de amor."

- Hesíodo, Teogonia


Em seus relacionamentos divinos, Pontus gerou uma prole notável. Após a castração de seu irmão, Urano, o céu, Pontus, com sua mãe Gaia, foi pai de Nereu, o sábio ancião do mar, Taumas, a maravilha do mar, Fórcis, Ceto e Euríbia, seres igualmente poderosos e enigmáticos.


"E Pontus (Mar) gerou Nereu, o mais velho de seus filhos, que é verdadeiro e não mente: e os homens o chamam de Velho porque ele é confiável e gentil e não esquece as leis de retidão, mas pensa pensamentos justos e gentis. E mais uma vez ele obteve o grande Taumas e o orgulhoso Fórcis, sendo acasalado com Gaia (Terra), e o belo Ceto e Euríbia que tem um coração de pedra dentro dela."

- Hesíodo, Teogonia


"Os filhos de Pontus (Mar) e Geia (Terra) foram Fórcis, Taumas, Nereu, Euríbia e Ceto."

- Pseudo-Apolodoro, Bibliotheca


Em sua união com Tálassa, a personificação do mar mediterrâneo, eles deram à luz a vasta diversidade de peixes e criaturas marinhas que habitam as profundezas das águas.


"De Pontos (Mar) e Tálassa (Mar mediterrâneo) [nasceram]: a tribo dos peixes."

- Pseudo-Hyginus, Prefácio

bottom of page