top of page
lucas.diesel_background_website_greek_mythology_UX_1a471611-7b73-457c-8db8-53a5a839a4c9.pn

Hipnos

Hipnos (em grego: Ὕπνος) é a personificação do sono na mitologia grega. Ele é um dos deuses primordiais, filhos de Nix (a Noite) e irmão gêmeo de Tânato (a Morte), e desempenha um papel importante nas histórias mitológicas relacionadas ao sono e aos sonhos.

Zeus Mitologuia.png

Arte ilustrativa, para uma visão fiel a grega antiga consulte as artes em cerâmica, já para a visão romana procure pelas estátuas e artes em mosaico (para ambos recomendo o site Theoi.com).

Hipnos é frequentemente representado como um jovem deus alado, às vezes com asas de borboleta, simbolizando o sono leve e tranquilo. Ele é retratado como um deus sereno e suave, muitas vezes com os olhos pesados de sono. Sua imagem reflete a natureza pacífica e reconfortante do sono.

História

Hipnos é retratado como um deus gentil e benevolente. Sua personalidade está alinhada com a natureza calmante e restauradora do sono. Ele não é visto como uma figura temida, mas como um deus cuja presença é desejada quando alguém busca repouso e relaxamento. No entanto, Hipnos é fiel às suas obrigações e não concede o sono a todos indiscriminadamente, pois o sono é um dom precioso que deve ser concedido com sabedoria. Na mitologia grega, Hipnos desempenha um papel importante em várias histórias, muitas vezes ajudando outros deuses ou mortais a alcançar o descanso necessário. Seu irmão gêmeo, Tânato, representa a morte, e juntos eles são uma dupla que lida com os aspectos finais da vida humana. Em resumo, Hipnos é o deus do sono na mitologia grega, conhecido por sua natureza serena e por governar sobre o mundo dos sonhos. Ele é uma figura benevolente que desempenha um papel vital na restauração e no descanso dos seres vivos.

bottom of page