top of page
lucas.diesel_background_website_greek_mythology_UX_1a471611-7b73-457c-8db8-53a5a839a4c9.pn

Érebo

Érebo (em grego Ερεβος) é a personificação da escuridão, uma fumaça negra que reside abaixo das terras de Gaia, formando a região conhecida como Submundo, suas fumaças negras escapam a terra através das cavernas e são usadas para cobrir Gaia durante todas as noites através de um véu carregado por Nix.

"Das profundezas infinitas do Érebos (Escuridão)."

- Aristófanes, Birds

Zeus Mitologuia.png

Arte ilustrativa, para uma visão fiel a grega antiga consulte as artes em cerâmica, já para a visão romana procure pelas estátuas e artes em mosaico (para ambos recomendo o site Theoi.com).

Érebo não é frequentemente representado de forma antropomórfica, como muitas outras divindades gregas. Em vez disso, ele é mais uma personificação abstrata das trevas e da escuridão. Ele foi imaginado como uma fumaça ou ar negro, bem como parte de todas as sombras.

História

Érebo, a completa escuridão, reside desde os primórdios da criação, sendo filho de Caos, o completo vazio e irmão gêmeo de Nix, a noite.


“de Caos (Vazio) surgiram Érebo (Escuridão) e a negra Nix (Noite); mas de Nix (Noite) nasceram Éter (luz) e Hemera (Dia), que ela concebeu e nasceu da união apaixonada com Érebos.”

- Hesíodo, Teogonia


Érebo é o ar escuro respirado pelos mortos, enquanto Caos é o ar invisível respirado pelos mortais e Éter é o ar brilhante respirado pelos deuses.


O nome Erebos também foi usado como sinônimo do reino do submundo de Hades.


"Zeus o atingiu [o Titã Menoitios] com um raio sinistro e o enviou para Érebo (Escuridão)."

- Hesíodo, Teogonia


"[Os Hecatônquiros] que Zeus trouxe à luz de Érebo (Escuridão) abaixo da terra."

- Hesíodo, Teogonia


"[Hermes veio] convidando-me [Perséfone] a voltar de Érebo (Escuridão)."

- Hino homérico 2 a Deméter


"Rose Eos (o amanhecer), e empurrou gentilmente Nix (Noite) para Érebo (Escuridão)."

- Quintus Smyrnaeus, Fall of Troy

bottom of page